fbpx

Ar limpo para todos: LEED v4.1

Publicado em 17 . 03 . 2020

Os créditos de qualidade ambiental interna contribuem para a melhora na qualidade do ar para todos.
Todo ser humano tem direito a um ambiente saudável, seguro e sustentável. Esse padrão de vida essencial é algo que podemos alcançar com esforços combinados em vários níveis – em nossas comunidades, cidades e nações, seguindo padrões globais como o Pacto Global de Prefeitos e o Acordo de Paris.

A importância do ar interno limpo

De acordo com a Agência de Proteção Ambiental (EPA) dos EUA, as pessoas passam cerca de 90% do tempo dentro de edificações, onde os níveis de poluentes costumam ser mais altos do que fora. Aqueles que são mais vulneráveis (pessoas mais jovens e mais velhas, pessoas com problemas respiratórios) geralmente passam ainda mais tempo dentro de um edifício.

A certificação LEED é uma maneira de garantir que nosso ambiente construído ofereça bem-estar. Esta certificação de construções sustentáveis sempre incentivou medições e práticas recomendadas para a qualidade do ar, mas com o LEED v4.1, a categoria de crédito Qualidade Ambiental Interna (QAI) é ainda mais personalizável e clara sobre maneiras de construir locais onde nossas famílias e colegas possam viver com segurança, estudar, trabalhar e se divertir.

Qualidade ambiental interna no LEED v4.1

Na categoria QAI, o LEED abrange o controle e avaliação da qualidade do ar, controle da fumaça do tabaco, acústica, materiais de baixa emissão, gerenciamento da qualidade do ar na construção, conforto térmico, iluminação e vistas externas.

Atender a esses padrões, seja em um prédio de escritórios ou em uma loja, significa filtrar poluentes e alérgenos do ambiente externo, minimizar COVs e toxinas do ar em ambientes internos e garantir acesso ao ar fresco. Essas estratégias melhoram a saúde respiratória e o conforto dos ocupantes ao longo do dia.

Os pré-requisitos e os créditos no LEED v4.1 para Novas Construções (BD+C), por exemplo, incluem as seguintes atualizações:

  • Os espaços ventilados mecanicamente e naturalmente têm instruções atualizadas que incluem os tanto os requisitos da ASHRAE quanto estratégias de monitoramento.
  • Para testes de qualidade do ar em ambientes fechados, os requisitos agora incluem créditos separados para testes de compostos orgânicos vs. inorgânicos e concentram-se em COVs prioritários para espaços internos.
  • Os requisitos para filtros de ar foram atualizados para reconhecer o novo padrão de filtro ISO.
  • Os materiais de baixa emissividade são estruturados em categorias de produtos, como revestimentos, tetos e isolamento, para permitir que as equipes de projeto se concentrem nas categorias que funcionam melhor para eles ou que são mais importantes para seu projeto em particular.

Veja as alterações do rating system LEED v4.1 BD+C com as novas alterações.

Alinhamento com objetivos globais

O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável da ONU “Boa Saúde e Bem-Estar” (ODS 3) inclui muitos aspectos da saúde pública, um dos quais é o direito de todas as pessoas a respirar o ar não poluído em ambientes internos e externos.

O LEED pode ajudar a alcançar a saúde e o bem-estar por meio de padrões relacionados não apenas à QAI, mas também à água, materiais, resíduos e até a certificação LEED voltada especificamente para unidades de saúde.

Prédios não são apenas estruturas inanimadas – eles fazem parte do ambiente que circunda nossas vidas. Eles podem nos nutrir ou nos prejudicar. Nós acreditamos que edifícios sustentáveis podem nos ajudar a crescer.

 


por Heather Benjamin, Associate Director of Editorial Content

O que procura?

Seja um membro